Elaine Paulino – Sobre o SCB

Olá SCB,

Gostei muito do conteúdo do Scooter Clube, pois as informações são objetivas, precisas e bem diretas.

Quando sinalizei a necessidade de um transporte que melhorasse minha locomoção em relação a tempo, logo pensei numa scooter. Nem preciso dizer que os super motoqueiros experientes que conheço, me detonaram quando sinalizei que compraria uma.

Além de mostrarem um certo medo em relação ao trânsito violento, também estão tentando instalar um medo em mim. Dizem que a Scooter é mais perigosa do que uma motocicleta comum. Outro dia me enviaram uma pesquisa do Hospital das Clinicas sobre acidentes de moto. Depois que analisei a matéria pude perceber que o médico queria chamar atenção aos gastos que o hospital possue, afinal o número de usuários de moto cresce, e, conseqüentemente acidentes também.

O médico não pode ser preciso quanto a tipo de moto e muito menos se aprofundar nas pesquisas, afinal nem todo motoboy declara isto como profissão. A maioria deles é analfabeto, o que quer dizer que compram a carta, pois não teria capacidade de tirar habilitação por vias normais. Além disto, muitas motocicletas são bode , motos roubadas.

Os motoqueiros motoboys , em geral, não seguem as normas de trânsito, basta analisar as condições e o comportamento de muitos condutores pela cidade afora. Isto já deixa cair por terra a pesquisa deste médico, que não tinha como aprofundamento estas peculiariedades e sim os gastos públicos na área médica. Enfim…

Tenho sido muito criticada pela escolha, principalmente pelos motoqueiros experientes que conheço. Mas resolvi seguir um lado cartesiano, afinal nem tudo que ouço ou leio constitui uma verdade. Resolvi pesquisar e coletar depoimentos na internet. Foi então que encontrei o Scooter Clube.

Era tudo que eu precisa para me sentir mais convicta da escolha, pois os depoimentos são mais lógicos e afinados com o meu ponto de vista, como aquele que diz respeito a passar por buracos com pneus aro 10. Enfim as informações me pareceram mais sólidas do que as que ouvi e ouço constantemente.

Claro que, sei muito bem que o trânsito não é fácil e que cada vez mais a direção defensiva deve ser reforçada. Sou adulta e consciente que as adversidades se vencem no dia-a-dia, sei também que quanto maior minha parcimônia maior será minha habilidade de lidar com as adversidades e gerenciar o estress causados pelo trânsito.

Realmente motociclista de longa data possue ego inflado, e principalmente quando querem passar informação a uma mulher. Ainda bem que existe internet e democratização.

O mais interessante é que nenhum destes críticos souberam me dar informações precisas que coletei no Scooter Clube como: a durabilidade de peças, aceleração, problemas no velocímetro e etc. Muito menos me informaram a super importância da qualidade de um capacete.

Mas também acho que são pessoas resistentes ao novo , e por conta disto, inexperientes no quesito Scooter .

Enfim a sabedoria deveria ser uma abertura de portas para compartilhar e adquirir mais conhecimento, e não um limitador de…

Agradeço imensamente pelas informações postadas no site. São preciosas demais e me deram o norte que eu tanto precisava.

Elaine Paulino

www.oyogaelainepaulino.blogspot.com